CARTA ABERTA AO SR. DR. TOZÉ SEGURO.

Caro Sr. Dr. António José Seguro,

Em primeiro lugar, tal como o Pacheco Pereira, também tenho um dilema, um trilema até, que é : como o tratar?
Por V.Exª está fora de questão pois não é tratamento que se tenha entre pessoas das esquerdas. Está excluído do trilema, portanto. Resta : VOCÊ, CAMARADA E PÁ!
O “PÁ” diz bem com Tozé mas não temos intimidade pa…ra tanto. Era mais para o Sócrates e não para um tipo tão aprumado e responsável! “VOCÊ” é distanciador e pouco afectivo e, nesta tentativa de aproximação, não é adequado. Resta “CAMARADA”! Mas tenho medo da sua reacção e pense que sou um abusador e diga: ” Mas já chegamos à Madeira? Camarada é só para os nossos…”.
O que me resta, afinal?
DR! Melhor ” SR. DR”! Ora aí está: tratamento à Portuguesa. Estamos em Portugal, não estamos? Então é bom que preservemos os costumes…Sr. Dr, portanto.

Resolvi escrever esta carta aberta ao SR.DR. ( como vai aberta e não a certeza que lhe vá chegar, publico-a aqui mesmo), para lhe dar conta do meu sincero arrependimento pelo que do Sr. Dr. aqui tenho vindo a publicar, nomeadamente os “Posts” aqui escritos nos dias 15/10; 23/10 e 08/11 deste ano da graça de 2013 e em particular neste último em que afirmo que o Sr.Dr. não me entusiasma…que não é capaz de captar votos como o meu…que exibe demasiada pose de menino bem comportado…muito correcto e monocórdico… muito educado e formal.. e muitas outras expressões horríveis nas quais, agora, de todo não me revejo.
E porquê? Porque naquela entrevista que deu à Judite de Sousa ( eu até escrevi que nem a Judite de Sousa o conseguiu irritar…) o Sr. Dr. afirmou : ” EU SOU UM LÍDER TRANQUILO”! E eu, burro, naquela altura associei aquela frase à célebre ” tranquilidade” do Paulo Bento. Veja só! O Sr. Dr. percebe-me, é que não é muito abonatório…

Ora eu que tinha apostado comigo mesmo que o Sr. Dr. me iria surpreender e convencer a votar no seu Partido ( no fundo no Sr. Dr.), coisa que nem o Sócrates conseguiu, esteve quase e só perdeu em cima da meta… eu escrevi aquilo tudo, e muito mais que o Sr. Dr. pode ler se quiser, está tudo aqui, para ver que me estou a retratar com veracidade…Eu não alcancei nunca a genialidade do Sr. Dr.!
Eu perguntava-me: então isto é que é fazer oposição? Onde é que estão as medidas alternativas? Como é que ele ( o Sr. Dr.!) consegue passar a mensagem se não tem mensagem para passar?…Tudo isto eu questionava, veja só!

Mas agora, num repente, fez-se-me luz! Vislumbrei, finalmente o porquê do ” Eu sou um Líder tranquilo” e do celebérrimo ” Qual a pressa…Qual a pressa…Qual a pressa” e dou-lhe os meus parabéns!

Porque, para quê fazer oposição? Para quê ” esfalfar-se” a apresentar medidas que não pode cumprir? Para quê mentir como os outros fizeram? Para quê gastar o seu “latim” se não tem nada de novo a dizer? Para quê….se pode ter o Poder de mão beijada por demissão do adversário?

Muito bem visto! Eu, que não me acho desprovido de todo, não tinha alcançado! É claro que eles vão cair de podres! GENIAL! Chapéu!
E deixe que lhe diga Sr. Dr. : é assim que se formam os grandes estadistas! Os visionários, como o Sr. Dr.!

Se vou votar em si depois de lhe reconhecer essa “genialidade”?

Estava a brincar consigo… NÃO É O QUE FAZEM TODOS?

Standard

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s