BOM NATAL JOSÉ SÓCRATES, aí em “ Guantanamo”…

José Sócrates é o nosso preso conhecido em “ Guantanamo”! Também ele, como a grande maioria  dos presos em Guantanamo, está preso sem culpa formada. Não foi acusado, culpado e muito menos condenado, mas não pode falar. Não pode dar entrevistas sequer. Ao menos pudesse ir a uma Comissão de Inquérito para que o Estado, via Assembleia da República,  via Deputados, pudesse apurar e avaliar os contornos da sua responsabilidade política e do que é indiciado, já que de “crimes públicos” supostamente se fala pois supostamente cometidos no âmbito da sua actividade enquanto governante, para se poder explicar e defender, como acontece com outros…

Mas tudo isso lhe está vedado e, na verdade, já todo o mundo se pergunta: Porquê? Já ninguém, apesar de todo o espalhafato e de toda a promiscuidade dos “ Midia”, consegue entender, face ao que se vai lendo e observando, em contraponto com outros casos de dimensão comparativa de domínio público, o Porquê!

Assim sendo, digo eu, tal prisão, à semelhança dos presos de Guantanamo, só se poderá entender no pressuposto de estarmos perante uma “ terrível e séria ameaça da ordem pública”, pois ele, tendo pedido dinheiro a um amigo ( coisa inaudita e impensável),  possa levantar e promover aí uma “ febre” qualquer e toda a gente passe, nos cafés, nas ruas e nos centros comerciais, a pedir dinheiro a toda a gente e isso perturbe e torne impossível a paz pública. Porquê? Por suspeitas fundadíssimas que tal dinheiro pedido, sacado ou mesmo estelionado, tenha como fim insondáveis actividades “ terroristas”. E assim, com base nas leis “ Anti Terroristas” se manter o Homem preso. Como os de Guantanamo!

E sendo suspeita de “ Terrorismo” o “ parece que vivia acima das suas possibilidades”, como afirmava aquela locutora da TVI na entrevista ao seu advogado, mantém-se um preso sem culpa formada e com restrição das suas liberdades Constitucionais. Como os de Guantanamo!

Por isso, José Sócrates, lhe desejo BOM NATAL, aí nessa Évora feita “ Guantanamo”!

Mas, pergunto-me, o que é, afinal, desejar um BOM NATAL a alguém? Quando eu desejo a um amigo, a um colega, a um conhecido ou a um familiar BOM NATAL, estou a desejar o quê em concreto? Que ele, simplesmente, passe uma noite feliz entre os seus? Para que ele repaste bem, beba bem, ria, tenha mesa farta e se esqueça de tudo o resto? Que passe a noite à lareira e se lembre que o Menino Jesus foi aquecido pelo bafo dos animais? Que tenha toda a Família reunida, jogue uma sueca depois da ceia e vá dormir bêbado como um carro? E assim se cumpra o espírito de Natal mesmo que vá obliterando a Missa do Galo e não vá, no dia seguinte, beijar o “ Menino” nas palhas nascido nas palhas deitado? Ou será que estamos a desejar ao outro que aquele dia seja um dia redentor, um dia apaziguador, um dia esclarecedor e um dia de vislumbramento da verdade, da paz, da sã convivência, da tolerância, da entreajuda, da amizade, da solidariedade, da pureza e do Amor verdadeiro? E da Justiça também?

O que é, afinal, desejar um BOM NATAL a alguém? É simplesmente antes de te recolheres em Família encontrares alguém na rua e lhe desejares BOM NATAL, para que ele quando chegar à sua Família também o diga e todos se portem bem e, em chegando à casa familiar onde vais passar o Natal, para fazeres Família e fazeres Natal, desejares a todos BOM NATAL se ele já se está a fazer? Para que ninguém, nas conversas dialécticas que sempre temos, extravase e estrague a festa, se isso nunca acontece nem pode acontecer? O que é, afinal, desejar BOM NATAL se não se desejar que não seja apenas um dia e que esse dia especial se transforme em introspecção, inspiração e espírito de mudança, em vez de palavras vãs e de pura hipocrisia?

Vejo, por exemplo, na imprensa de hoje que Cavaco, aquele que se julga ser Presidente de todos os Portugueses, “ pediu aos Portugueses para irem mais longe nas celebrações do  Natal e tornem permanentes valores como “ concórdia” e“ solidariedade” e dêem prioridade aos “ mais frágeis e vulneráveis” o ano inteiro. E também “ às crianças, aos desempregados e aos mais velhos..” e “ calor humano aos que mais precisam”…. Pediu ele aos Portugueses, de onde ele, claro, se exclui, pois ele está acima e não tem que ter essas preocupações…

Mas ele disse “ o ano inteiro”! Eu sei que é um lugar comum dizer o que ele disse neste dia, nesta hora e nesta altura do ano. Faz até parte. Mas ele disse: “o ano inteiro”! Mas ele quando refere “ no ano inteiro” deve estar a referir-se a qualquer coisa que não alcançamos pois ele, durante o ano inteiro, o que fez? Assinou e promulgou o fim dos apoios às crianças deficientes; a redução dos apoios sociais e as restrições aos apoios aos mais desfavorecidos através do Rendimento Mínimo de Inserção; a redução do tempo em Fundo de Desemprego; a redução das Reformas e Pensões…etc. etc, etc… E lá está, para ele, isto é desejar BOM NATAL, mas o “ ano inteiro”…

Ele, Comandante-em-Chefe das Forças Armadas Portuguesas, que, nesta altura de Natal, não foi capaz de mandar um Mail, um SMS, uma  nota de imprensa ou um telegrama sequer, à família do Almirante Vitor Crespo agora falecido, um alto quadro das suas Forças Armadas, nem ele nem o seu Governo, porquê? Por ser Natal e estar muito ocupado em desejar Boas Festas? Não! Por ser um dos de Abril!

Podemos acreditar no BOM NATAL de tipos como estes?

O que é, então, desejar um BOM NATAL?

A resposta cabe a cada um e cada um, a partir desta formulação, deve introspectar e perguntar-se.

Eu, cá para mim, tido por um defensor da teoria da conspiração, teoria que nunca formulei e apenas, isso sim, me dedico a enumerar perplexidades, limito-me a desejar BOM NATAL a JOSÉ SÓCRATES, o  nosso preso em Guantanamo feita Évora, preso sem culpa formada, impedido de falar e consultar seu processo e, portanto, impedido de ter NATAL e desejando que o seu BOM NATAL seja a sua imediata libertação!

Em nome do NOSSO  Natal…que não o de Cavaco.

Standard

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s