0 “ CAVALO ERRADO” !

(E ao décimo quinto dia ressuscitei!)

Um familiar meu, que aquando das primárias do PS era apoiante do Seguro, contou-me esta coisa deliciosa acerca do grande Tino de Rãns: Que o Tino se terá acercado do Seguro para lhe transmitir o seu apoio porque, afirmava ele, sempre gostou de apoiar o “ cavalo errado”!

Na sua genuína e popular sabedoria, carregada de frases definitivas, o Tino quereria dizer que gosta de sempre apoiar quem está na mó de baixo ou mostra menos força , querendo dar ao seu apoio uma faceta de solidariedade extra: Votar em quem perde, em suma. O chamado “ cavalo errado”, segundo ele.

Mas o Tino não é tolo de todo e, tendo conseguido as 7.500 assinaturas, tendo mais de 35 anos e mantendo a sua ficha criminal limpa, candidatou-se ao mais alto magistério da nação. Com toda a legitimidade, portanto. E sabe por que o fez! Porquê? Porque, segundo ele, pode! Mas acrescenta que, não emprestando o seu nome a nenhum Partido e por isso não mais concorrer a nada sob a sua sigla para que esse seu notório nome não seja aproveitado, pode concorrer a presidente de junta- o que já fez- a presidente de Câmara- que não sei se ainda não fez, mas pode- a presidente da república e só não pode a deputado! Tem toda a razão o Tino!

Por isso mesmo concorreu à presidência da república porque pode e, na celebração dos 15 anos da Sic Notícias em que se juntou aos outros candidatos para um debate, quando Ricardo Costa o interpela dizendo que “ é um bocadinho difícil perceber o que você está aqui a fazer”, o Tino teve esta brilhante e conclusiva resposta: “ Eu estou aqui porque fui convidado pela SIC”!

Fê-lo porque podia e, ainda por cima, foi convidado! Cavalo errado em lugar errado? Até pode ser, mas legítimo.

Não estando a legitimidade em causa para qualquer dos candidatos teremos mesmo que perguntar-nos quem é mesmo o “ Cavalo Errado” nestas eleições. Para mim, e ao contrário do Tino, é o que se tem por “ Cavalo certo”! É tido por “ certo” mas é errado: é Marcelo Rebelo de Sousa!

É aquele que de manhã é monárquico e à tarde republicano. É republicano, mas chefia a Fundação da Casa de Bragança. De manhã é sportinguista e à tarde Braguista e, tendo o Sporting hoje ganho ao seu Braga, perguntado quem ganhou afirma que foram os dois: o Braga na primeira parte e o Sporting na segunda!

De manhã é de esquerda e à tarde de direita. De manhã sim, à tarde não e à noite mais ou menos. Um Cavaco “a cores”, há quem diga e eu penso que não, ou um “canivete Suíço”, que serve para tudo, e eu penso que sim. Esteve, finalmente não esteve, mas, no fundo, até por lá andou. É um “Cavalo Errado” apoiado por gente certa e por certa gente.

Mas, ao contrário de muitos amigos meus de esquerda, eu não ficarei deprimido se Marcelo ganhar. Marcelo não é um “anjo mau “e, se for para Belém, aquele palácio tornar-se-á num local de divertimento permanente.

A gente tem a noção que aquilo não cola, que não bate a bota com a perdigota, que a personagem não está para a função, que se cola é mesmo com muito cuspe, mas também sabe da festa constante que aquilo vai ser. Tipo bar aberto e grátis para as damas, à falta de primeira dama!

O que se vai poupar em protocolo por falta da dita, em vestidos, em fatos e em cabeleireiro, vai ser distribuído a todas as confrarias e às tias. De Cascais, de Oeiras e de todos os lados e às suas obras de caridade. Vão voltar as “Supico Pinto” e os seus chás. Uma festa!

Por ocasião dos torneios do “ Grand Slam “ os jardins do palácio vão ter animação constante e vão ser instalados ecrãs gigantes para ver Sua Exª , fazendo diplomacia económica, a assistir em Wimbledom, Melbourn, Roland-Garros ou Nova York aos respectivos “masters” e com aquele chapéu de palha que o compadre Ricardo lhe ofereceu, dignificar o nosso Portugal com a sua honrosa e prestigiada presença.

O Povo vai sentir novamente o que é ter um “Rei” na presidência e irão voltar os seus comentários semanais da TVI, agora sob a denominação de “comunicações ao País” e onde ele, à semelhança de um Caetano, de um Castro, de um Chavez ou de um Maduro, vai comentar as desditas da governação e da oposição e apelar aos constantes consensos: do de manhã mal, mas à tarde bem…ou ao contrário.

Ele, ao contrário do outro que se ausentava e só mandava avisos, ele vai estar sempre presente e fará de Belém um circo.
Vocês vão ver como será bom apostar no “Cavalo Errado”!

PS (1)- Perguntas que me assaltam e que angustiado me faço:

1- Quem serão os seus conselheiros?
2- De que falará com Almirantes e Generais? Das Selvagens?
3- Qual a próxima “ Vichissoisse”? Quem tramará?
4- Quem condecorará?

PS (2)- Embora goste muito de circo eu vou votar Sampaio da Nóvoa! Disse!

Standard

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s